|

Vazamento já custou US$3 bilhões

A British Petroleum anunciou hoje que os custos totais relacionados às operações no Golfo do México já ultrapassaram US$3,12 bilhões.

O valor inclui os US$147 milhões já pagos em indenizações.

No total, mas de 95 mil queixas foram aberta contra a BP, sendo que cerca de 47 mil foram atendidas.


O valor inclui ainda o custo das medidas tomadas para conter o vazamento, como a abertura de um segundo poço, e a limpeza do mar e das praias.

No dia 16 de junho, a BP anunciou a criação de um fundo de US$20 bilhões para garantir o cumprimento de todas as suas obrigações. A empresa operava a plataforma Deepwater Horizon que explodiu no dia 20 de abril no Golfo do México.

Devido a uma falha no sistema de segurança, após a explosão, a válvula do poço de petróleo não foi fechada e, desde então, estima-se que 9,5 milhões de litros vazem no mar por dia.
Fonte: InfoOnline

Postado por Fabrício Marques no(a) quarta-feira, 28 de julho de 2010 às 10:17. Categoria: . Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta postagem através do RSS 2.0. Fique à vontade para deixar um comentário.

Categorias

Comentários Recentes

Últimas Notícias