|

UnB: Chuva derruba teto na Faculdade de Agronomia

O forro de gesso do teto do bloco de laboratórios multiuso utilizado para aulas práticas da Faculdade de Agronomia e Veterinária (FAV)desabou na madrugrada desta sexta-feira, 25. Ninguém ficou ferido. O bloco fica ao lado do Hospital Veterinário da Universidade de Brasília, que não foi afetado. Equipamentos de pesquisa, como microscópios adquiridos recentemente pelo programa de Expansão e Reestruturação das Universidades Federais (Reuni), podem ter sido danificados. O custo da perda ainda não foi estimado. As aulas práticas que ocorreriam no bloco foram suspensas e serão transferidas para outros locais.

A prefeitura do Campus Darcy Ribeiro esteve no local e afirma que o entupimento das calhas de chuva por folhas e sedimentos ocasionou o acúmulo de água no forro de gesso, que não aguentou o peso e cedeu. Os técnicos da prefeitura fizeram a limpeza das calhas logo depois e afirmam que na segunda-feira, 28, devem tomar providências e possivelmente retirar o resto do forro de gesso, que pode ceder. A energia do prédio foi parcialmente desligada. Somente as tomadas das geladeiras e freezers usados para armazenar material de pesquisa continuam a funcionar.

A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros, chegou no local às 9h e interditou o prédio todo. Ainda não há estimativa de liberação da área. Segundo o tenente do corpo de bombeiros, Marcelo Matos, os danos não são grandes, mas ainda há risco no local. Os bombeiros fizeram diversos furos no forro do bloco para que a água acumulada escorresse. O forro de gesso do local tem cerca de cinco centímetros de espessura.

O laboratório multiuso de aulas práticas, onde ocorreu o desabamento, tem cerca de 150m². Além do forro, luminárias caíram no chão e quebraram-se. O laboratório contava com 27 microscópicos e centrífugas. Os equipamentos foram retirados pelos próprios professores e funcionários e transferidos para os salas vizinhas. Como estavam protegidos por plásticos, a professora Simone Perecmanis, vice-diretora da FAV, que esteve no local desde o começo da manhã, acredita que não haverá danos. "É bem possível que os microscópios tenham ficado intactos". Davi Diniz, chefe de gabinete da reitoria, afirmou que a administração irá enviar os equipamentos para o a assistência técnica do fabricante.


Postado por Fabrício Marques no(a) sexta-feira, 25 de novembro de 2011 às 19:58. Categoria: . Você pode acompanhar quaisquer respostas a esta postagem através do RSS 2.0. Fique à vontade para deixar um comentário.

Categorias

Comentários Recentes

Últimas Notícias